Monthly Archives: novembro 2011

25/11/2011

PERFEIÇÃO PARA AGRADAR A TODOS OS SENTIDOS

 
 
 

Uma das atitudes que está em extinção no século vinte e um é o ato de fazer as coisas com perfeição. Às vezes até acho que os jovens não conhecem a palavra.  Tudo começa na escola.  Os professores são pressionados a dar qualquer nota para aprovar  o maior número possível de alunos.  O resultado é uma população de trabalhadores que pouco conhecem o  orgulho de fazer perfeito.

Outro dia eu me surpreendi com dois profissionais cujo trabalho é nada menos do que a perfeição.

Eu havia me inscrito numa palestra na Casa  do Saber Cid. Jardim sobre Hermès – a famosa marca de bolsas, roupas e outros artigos que tem uma loja no Shopping Cidade Jardim.

Saí do Morumbi cedo pra evitar trânsito  e acabei chegando cedo demais  então resolvi jantar.  Sou maluca por comida japonesa e a nos arredores da Rua Mario Ferraz há um grande número destes restaurantes.  Minha escolha dentre os melhores restaurantes japoneses de sp eram tres: Shin Zushi, Miyabe e Jun Sakamoto.  Agora sei que são quatro!  Quase na esquina da Mario Ferraz, na própria Cidade Jardim fica o Empório Santa Maria, famoso por seus vinhos e mercado gourmet.  Daí lembrei que eles tem um sushi bar no andar de cima e resolvi satisfazer minhas glândulas degustatórias.

“De lamber os beiços” descreveria menos do que real.  Doze horas depois ainda estou salivando com o gosto daquele sushi.  Se você disser que dez reais por unidade de sushi é caro eu te digo que topo comer sopa pronta, de envelope, uma semana, e economizar pra comer 10 unidades do sushi do Cris Mori.  O Sushi chef, Cristiano Mori é atento à sua preferência e um dos prazeres é observar seus assistentes, Renato e Fabio meticulosamente preparando e cortando os peixes para o trabalho do chef.  Eu comi olho de boi, maguro e peixe serra e espada.  O maguro estava tão bom que repeti duas vezes!

Empório Santa Maria. Av. Cidade Jardim, 790 – Itaim – São Paulo – SP Tel: (11) 3816-4344.  www.emporiosantamaria.com.br

 

            

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Próxima surpresa: a palestra dos Hermès.  Primeiramente, um lindo filme documentário “Hearts and Crafts” mostrando os artesãos da Hermès trabalhando, cada um no seu departamento, e suas palavras de paixão pelo que fazem, pela perfeição, por trabalhar em uma companhia que valoriza o artesão e a excelência.   A fotografia do filme é impecável.  Com o  filme aprendi que leva dois dias para costurar uma bolsa Hermès. Vi como é costurada, ponto por ponto, à mão, sem qualquer uso de processos automatizados.  Também pude compreender porque os artigos custam muito mais do que outros produtos de primeira classe dos concorrentes. Não é simplesmente feito à mão com a melhor matéria prima que se pode  encontrar, o produto Hermès  é minuciosamente, perfeitamente, CARINHOSAMENTE feito à mão.  Após o filme Pascale Mussard, uma elegante descendente da sexta geração da Hermès respondeu às nossas perguntas e nos contou que o segredo da Hermès é o orgulho que cada empregado tem em fazer o seu trabalho e o amor que colocam em cada peça.  Ela até nos contou uma historinha: que quando uma bolsa fica pronta para enviar para as lojas os artesãos a expoem e a acariciam- e quando a peça é especial ela “responde” ao carinho!

Pascale nos contou que a Hermès pretende abrir no mínimo mais uma loja em São Paulo, outras no Rio, Belo Horizonte e Brasilia.

Ela também nos contou sobre seu novo projeto, “petit h”, que convida designers para criar peças únicas de design a partir de aparas e material descartado pela Hermès.  Mmmmm me dá vontade de estar lá mesmo sem ter formação em design de objeto…

Não menos perfeito que seus produtos é o site da Hermès  www.hermes.com  que eu visitei por horas a fio após a palestra.  Apesar dos preços fora do comum é difícil sair da loja.  Mesmo se você não pode — ou não deseja — adquirir algum produto, vale a pena gastar umas horinhas no site ou na loja.  Será  uma experiência  enriquecedora  que te fará apreciar cada vez mais um bom design e artesania. Obrigada a todo o time da Hermès e a Casa do Saber pela maravilhosa noite.  Me alegra saber que ainda há gente orgulhosa do que faz e que cultiva a perfeição.